Vamos trabalhar juntos?

Algumas coisas que eu faço:

Cinema

Longas | Curtas | Clipes | Séries

Animação

Motion Graphics | Videográficos

Educação

Aula | Consultoria

Design e Publicidade

Criação | Design Gráfico | Web

Sobre Mim

Oi, eu sou o Airo Munhoz e eu conto histórias.

Seja com um vídeo, uma animação ou uma imagem. Seja uma história nova, que ninguém ouviu, ou a mesma lenda sob uma outra perspectiva. Tudo tem um lado pra ser explorado, uma boa versão pra ser mostrada. Até a minha própria história.

  • 00

    "Era uma vez..."

    Eu nasci em Julho de 1990, e quatorze anos depois já estava trabalhando. Comecei dando aulas de informática em uma escola perto de casa. Um lugar cheio de tecnologia tinha que ter um lado menos chato, e eu o descobri bem rápido: o Design. Foi amor à primeira vista. Fui conhecê-lo mais de perto e comecei a criar websites, na unha, aprendendo tudo sozinho.

  • 01

    Aos 17 anos, entrei na faculdade de Comunicação Social com Habilitação em Mídias Digitais na Universidade Metodista. Essa vivência me proporcionou o contato com um novo patamar de histórias: os filmes. Lá eu escrevi e dirigi um curta-metragem. Foi uma experiência tão esclarecedora e completa que eu já sabia o que queria fazer para sempre.

  • 02

    Mas o cinema não é uma área de tão fácil acesso assim, então, por mais que a paixão fosse forte, eu ainda levava os outros amores debaixo do braço. Ainda durante o primeiro ano da faculdade, entrei em uma agência de design para a web e desenvolvi minha experiência na área. De lá, fui para a AGICOM, agência integrada de comunicação da Metodista, onde trabalhei com Motion e Web Design e tive uma vivência profissional mais divertida e vasta do que eu mesmo esperava.

  • 03

    No final da jornada de estudos, com dois prêmios destaques de melhor trabalho, me formei com um 10 no TCC em uma apresentação que a Metodista nunca esquecerá.

  • 04

    Formado, atuei na área de marketing de empresas como Burger King e IMC, criando e aprovando materiais para pontos-de-venda. Após esse pequeno período corporativo, voltei à vida de agência e trabalhei criando materiais visuais para empresas como Cinemark, Burger King, Frango Assado e Viena Restaurantes.

  • 05

    O Design era e ainda é um amor na minha vida, mas a menina dos meus olhos esperava por mim. Resolvi dar mais um passo em direção a ela: fui para Nova York estudar na New York Film Academy. Fiz o curso completo de Filmmaker, voltei para o Brasil e ainda estudei por mais um ano e meio tudo relacionado a Direção para Cinema e Direção de Atores no Latin American Film Institute e no Instituto Stanislavsky.

  • 06

    No Brasil e fora dele fiz muitos amigos, produzi curtas e clipes junto deles, sem recursos, na melhor pegada "cinema de guerrilha". Tudo isso me fez ter certeza de que era o que eu amava: não apenas o Cinema, mas contar histórias audiovisuais, que atingem o público pelos olhos, ouvidos e coração.

  • 07

    Essa nova perspectiva me deu a chance de, em 2014, me tornar Editor e Diretor de Fotografia no LA Film Institute, onde eu estudei. Com o tempo, descobri que ensinar o meu ofício também era uma forma de contar histórias que mudassem a vida das pessoas e me tornei Professor de Cinematografia e de Edição de Vídeo.

  • 08

    De lá pra cá, me joguei de cabeça nessas áreas, aperfeiçoando meus conhecimentos em Motion Graphics (After Effects e Cinema 4D) na DRC Treinamentos, com o Marcelo Favotto, ex-diretor da área de animação da Rede Globo por mais de 20 anos. Comecei meu mestrado em cinema na Anhembi Morumbi com bolsa integral. Também fiz parte da equipe de cinematografia do longa-metragem FINITO (estréia prevista pra 2015), no qual eu também fiz os efeitos visuais na pós-produção. Dirigi, fotografei e editei também o especial "Nasi Egbe", encomendado pelo Canal Brasil em parceria com o Nasi, vocalista da banda Ira!, e o videoclipe "Além", da banda Tio Che. Fui Diretor de Fotografia na Série Digital Romeu & Romeu, vencedora de 6 prêmios nacionais e internacionais. Além de outros vários institucionais, vídeos internos, curtas, e tudo que uma câmera na mão e uma ilha de edição pudesse me proporcionar.

  • 09

    Hoje, eu sou um cara que produz, dirige, edita, anima, e vai até onde as ideias (e o orçamento!) permitirem. Ou até onde a história precisar pra terminar bem.

Baixe meu CV

Que compila meus projetos.